Voltar à página inicial

Minha Oferta ao Sagrado Coração de Jesus

Facebook Youtube SoundCloud Instagram

Conheça o seu inimigo! As revelações de Santa Francisca Romana sobre os demônios (Parte II)

Santa Francisca Romana

As três classes de demônios: demônios do inferno, demônios da terra e demônios dos ares.

Resumindo um pouquinho a exposição que Santa Francisca Romana, ela mostra o seguinte: que Lúcifer era um Serafim que pairava no mais alto dos céus, e como Serafim que ele era, o pecado dele foi de uma grande responsabilidade porque os senhores sabem que os Serafins constituem o mais alto coro dos anjos.

Como ele foi o maior dos revoltados, ele foi precipitado para o mais fundo dos infernos. 

Agora, houve anjos que por malícia própria, por uma maldade própria, resolveram acompanhá-lo por uma iniciativa própria.

Esses anjos estão no inferno com ele e ele os atormenta continuamente porque ele é mais poderoso do que os outros e é encarregado pela justiça divina de punir eternamente os espíritos que ele mesmo induziu mas que por um entusiasmo próprio foram juntos para a catástrofe. 

Depois há os anjos sob a direção dele. Há três anjos principais. Asmodeu é o demônio da imoralidade e o que tenta os homens especialmente para a sensualidade, o pecado da carne.

O outro é Mamon, que era um Trono. Ou seja, um anjo da categoria dos que acompanham as harmonias da História e que se enlevam vendo Deus compor a trama histórica pelos seus decretos e o encaminhar a história dos anjos e do mundo. Mamon é o demônio da avareza. 

Belzebú é o demônio da idolatria, dos sortilégios e dos encantamentos. Quer dizer, dos bruxedos. 

Lúcifer tem por característica o orgulho. Asmodeu tem por característica o vício da carne; era chefe dos Querubins. E Mamon que tem como característica a avareza, era o chefe dos Tronos; e o terceiro, que é chamado de Belzebú, é o chefe das idolatrias e das obras tenebrosas em geral.

Principais anjos rebeldes: Lúcifer (o demônio do orgulho), Asmodeu (demônio da sensualidade), Mamon (demônio da avareza e do dinheiro), Belzebu (demônio da idolatria, dos sortilégios e dos encantamentos).

Vê-se, portanto, que os dois principais anjos rebeldes, Lúcifer e depois Asmodeu, são os anjos do orgulho e da sensualidade.

O que corresponde à nossa concepção de que o orgulho e a sensualidade são os vícios que impulsionam e que dão rumo à Revolução gnóstica e igualitária, surgida no final da Idade Média.

Esses anjos estão no inferno e Deus só raramente permite que alguns deles saiam para catástrofe da humanidade. 

Mas a impressão é de que, na época atual, a “chave do poço do abismo” caiu, o inferno se abriu e esses anjos péssimos estão espalhados por aí.

E que a presença de Lúcifer é mais assídua, mais contínua, mais forte do que em qualquer época da História, depois da crucifixão de Nosso Senhor Jesus Cristo

Se você NÃO tem Facebook, comente abaixo a:
Os comentários estão fechados.

GRÁTIS.
Coloque seu e-mail abaixo e receba orações, conselhos católicos e Mensagens de fé

Pesquisar no site

Veja o que acabamos de publicar

  • Domingo de Pentecostes. Uma mensagem que você não irá se esquecer tão cedo. Veja. Leia Mais +
  • Uma dica para você que gosta de cozinhar! Receitas para o Final de Semana. Leia Mais +
  • Veja essas 16 dicas de Santo Afonso para ter uma ótima vida. Leia Mais +
  • DOWNLOAD GRATUITO! Oração a Santa Rita por uma causa impossível. Leia Mais +
  • Verdades que o Católico não pode esquecer: Como se forma a certeza católica Leia Mais +
  • O que nos ensina o Catecismo sobre a Sagrada Eucaristia. Veja! Leia Mais +
  • A força da Eucaristia segundo São Francisco de Assis! Leia Mais +
  • Uma oportunidade especial para você! Leia Mais +
  • O melhor remédio para a dureza dos corações… Sabe qual é? Descubra aqui. Leia Mais +
  • A importância e o simbolismo do incenso na liturgia. Leia Mais +
Topo ↑

Inclua agora seu nome na Missa de Súplicas ao Coração de Jesus.
Ligue grátis de qualquer lugar do Brasil:

0800 774 7557

Política de Privacidade

Voltar aos Posts