Voltar à página inicial

Minha Oferta ao Sagrado Coração de Jesus

Facebook Youtube Instagram

Arquivo

Textos com Etiquetas ‘perdição’

Você quer ir para o inferno? Veja esses 2 sinais de que desprezar os preceitos de Deus pode acarretar na perdição eterna.

8, março, 2018 Sem comentários
Alma agonizando no inferno

Alma agonizando no inferno


.
“As vossas iniquidades fizeram uma separação entre Vós e vosso Deus” (Is. 59, 2)

.
.
A malícia do pecado mortal consiste no desprezo da graça divina e na perda voluntária de Deus, o Bem supremo.

.
Com toda a justiça, pois, a maior pena do pecador no inferno é tê-lo perdido, sem esperança de o tornar a achar.

.
Se quisermos ter uma garantia de não incorrermos em tamanha desgraça, demo-nos inteiramente e sem reservas ao Senhor.

Esse vídeo é impressionante, ASSISTA!
.

O que não se dá inteiramente a Deus ou o serve com tibieza, corre grande risco de o perder para sempre.

.
.
I. A gravidade da pena deve corresponder à gravidade do delito.
.
Os teólogos definem o pecado mortal por estas duas palavras: aversio a Deo — aversão de Deus.
.
Eis, pois, em que consiste a malícia do pecado mortal: consiste no desprezo da graça divina e na perda voluntária de Deus, o Bem supremo.
.
Pelo que com toda a justiça a maior pena do pecador no inferno é o ter perdido a Deus.
.
São grandes as demais penas do inferno:
.
.
O fogo que devora, as trevas que obcecam, os uivos dos condenados que ensurdecem, o mau cheiro que faria morrer aqueles desgraçados se pudessem morrer;
.
.
A estreiteza que os oprime e lhes tolhe a respiração; mas todas estas penas nada são comparadas com a perda de Deus.
.
.
No inferno os réprobos choram eternamente, mas o objeto mais amargoso do seu choro é o pensar que perderam a Deus pela sua culpa.
.
.
Ó Deus, que grande bem perderam eles!
.
Durante esta vida os objetos que nos rodeiam, as paixões, as ocupações temporais, os prazeres dos sentidos, as contrariedades não nos deixam contemplar a beleza e bondade infinita de Deus.
.
Mas uma vez que a alma sai do corpo, reconhece logo que Deus é um bem infinito, infinitamente formoso, e digno de amor infinito.
.
E sendo que foi criada para ver e amar esse Deus, quisera logo elevar-se a ele e com ele unir-se.
.
Como, porém, está em pecado, acha levantado um muro impenetrável, quer dizer, o pecado mesmo que lhe fecha para sempre o caminho para Deus:
.
As vossas iniquidades fizeram uma separação entre vós e o vosso Deus.
.
.
Meu Senhor, graças Vos dou, porque não me foi ainda fechado este caminho, como tinha merecido, e porque posso ainda ir para Vós.
.
.
Peço-Vos, não me repilais! Meu Jesus, com Santo Inácio de Loyola Vos direi: Aceito toda a pena, mas não a de ser privado de Vós.
.
.
II. Se quisermos ter uma garantia de que não perderemos o nosso Deus, consagremo-nos inteiramente a ele.
.
O que não se dá todo a Deus corre sempre o risco de lhe virar as costas e de o perder. Uma alma, porém, que resolutamente se desapega de todas as coisas e se dá toda a Deus, não o perde mais;
.
.
Porquanto, Deus mesmo não consentirá que uma alma que se lhe deu de todo o coração lhe volte as costas e o perca.
.
.
Pelo que um grande Servo de Deus dizia que, em lendo-se a queda de alguns que primeiro levaram vida santa, se deve concluir que eles nunca se deram a Deus com todas as veras.
.
Demo-nos, pois, ao Senhor sem reserva e roguemos-lhe sempre pelos merecimentos de Jesus Cristo que nos livre do inferno. Especialmente deve pedir isso aquele que na sua vida já perdeu a Deus por algum pecado grave.
.
Demônios nos tentam diariamente querendo levar nossa alma para o inferno.

Demônios nos tentam diariamente querendo levar nossa alma para o inferno.

Ai de mim, ó Senhor, que pelo desprezo da vossa graça mereci estar para sempre separado de Vós, meu Bem supremo, e odiar-Vos para sempre.

.
Agradeço-Vos o me haverdes suportado quando estava na vossa inimizade: se então tivesse morrido, que seria de mim?
.
.
Mas já que me prolongastes a vida, fazei que dela nunca me sirva para Vos ofender de novo, mas unicamente para Vos amar e para chorar os desgostos que Vos dei.
.
.
Meu Jesus, doravante sereis Vós o meu único amor; e o meu único temor será o de Vos ofender e de me separar de Vós. Nada, porém, posso, se não me ajudardes.
.
Prendei-me sempre mais a Vós pelos laços de vosso santo amor; reforçai as santas e doces correntes de salvação, que me liguem mais e mais convosco.
.
.
Pelos méritos de vosso Sangue espero que me ajudareis para ser sempre vosso, ó meu Redentor, meu amor, meu tudo: Deus meus et omnia.
.
.
Ó grande Advogada dos pecadores, Maria, ajudai um pecador que se recomenda a vós e em vós confia.
.
.
Fonte: Do livro de Santo Afonso Maria de Ligório. Meditações: Para todos os Dias e Festas do Ano: Tomo Terceiro: desde a duodécima semana depois de Pentecostes até ao fim do ano eclesiástico. Friburgo: Herder & Cia, 1922.
.
*  *  *
.
botao-oferta-aascj

A ação diabólica afeta a sua vida? O Venerável Arc.º Fulton Sheen mostra três indicativos. Veja aqui.

28, fevereiro, 2018 Sem comentários
Arcebispo Fulton Sheen.

Arcebispo Fulton Sheen.


.
O demônio age sorrateiramente em nossas vidas, sempre incitando nossa vontade para o pecado.

.
Veja esses três pontos onde o demônio mais perturba as pessoas.

.
1 – Obsessão pela nudez, com suas derivações: pornografia, exacerbação e exploração da sexualidade.

.
2 – Violência (terrorismo)

.
3 – Divisionismo 

.
1. Obsessão pela nudez
 – A obsessão pela nudez é manifestada de vários modos. Primeiro na tendência generalizada de vestir-se imodestamente.

“Modéstia” vem da palavra “modo”, referindo-se ao meio ou à moderação.

.
A imoderação no vestir-se consiste na exibição de partes impudicas com a intenção de descobrir-se e chamar a atenção para as áreas privadas do corpo.

.
Esta mania de exibição e provocação é indicativa da ação dos demônios na sociedade moderna. 

A pornografia, a exacerbação e exploração da sexualidade são  aspectos da obsessão pela nudez neste mundo endemoninhado que, por meio da internet, alcançou proporções epidêmicas.

.
O vício da pornografia é um enorme problema entre as pessoas de hoje. Sites pornográficos superam enormemente os de outras categorias.

.
Milhões de pessoas estão “consumindo”
enormes quantidades de pornografia e a “indústria” está crescendo exponencialmente, criando os viciados na última forma de escravidão.

As garras de satanás, através das modas impuras, atingem a muitos!

.
A cultura da sexualização
 também submete as pessoas ao poder satânico.

.
As novelas exploram excessivamente os temas sobre sexo de modo a expandir e aprofundar a degradação moral. E, consequentemente, a ação preternatural.

.
2 – Violência 
– Coletivamente, a violência foi transformada numa forma de entretenimento.

Os noticiários, filmes e vídeos passaram a usar a retaliação violência como foco de atenção.

O assassinato é cada vez mais proposto como solução para os problemas.

A violência começa já no ventre materno, onde os inocentes são atacados. Chamam isto de “direito” e “escolha”.

.
A “cultura da morte” se exerce ainda por meio da contracepção, atividades violentas de gangues, recursos fáceis para a guerra e pena capital.

.
O século passado talvez tenha sido o mais sangrento
 já conhecido na História. Incontáveis pessoas, na casa dos milhões, morreram durante as duas guerras.

Além disso houve conflitos e guerras regionais, terríveis mortandades pela fome, como na Ucrânia, China e outros lugares; genocídios na Europa Central, na África e no sudeste da Ásia.

Paul Johnson, em seu livro Modern Times, estima que cerca de 100.000.000 morreram em guerras e de maneiras violentas nos últimos 50 anos do século XX.

Satanás “ama” a violência, pois ele quer o contrário de Deus, que é bondoso, sábio e poderoso. Conforme demonstra São Tomás de Aquino, em Deus nada há de violento e antinatural.

.
3 – Divisão
 – Satanás atua sempre procurando dividir, criar encrencas. Dentro de nós mesmos, exacerbando as paixões desordenadas e insuflando revoltas.

Com as outras pessoas, através do orgulho, do amor próprio e da impaciência.

Por uma ação diabólica, as famílias se dividem, a Igreja está dividida por um processo de autodemolição, a diplomacia internacional está uma loucura.

A divisão atingiu ao nível máximo: religioso, racial, político e econômico.

.
Os divórcios são exaltados e compromissos de quaisquer tipos são rejeitados e considerados impossíveis.

.
Essas são, pois, as três características da ação diabólica
: obsessão pela imoralidade, pela violência e o desentendimento.

.
Num mundo dominado pelo poder das trevas, quem não quiser se submergir nas abominações deve antes de tudo procurar conhecer a doutrina tradicional da Santa Igreja;

.
Observar os mandamentos da Lei de Deus, seguir os preceitos e frequentar os sacramentos.

A verdadeira e autêntica devoção à Santíssima Virgem é o meio seguro de nossa salvação.

.
.
Fonte: catolicostradicionais.blogspot

.
*  *  *

Você quer receber os melhores e exclusivos Conteúdos Católicos, Orações, Mensagens antes de todo mundo? É GRÁTIS e terá seu nome inscrito em uma Santa Missa.

.
Então clique AQUI e descubra como!

.
Assista esse vídeo!

.

.
botao-verde

.

Categories: boletim Tags: , ,

Qual a principal causa da perdição da alma? Leia aqui para descobrir:

10, outubro, 2017 Sem comentários
Faltar à Confissão, ou fazer Confissões mal feitas, são um caminho certo para o Inferno...

Faltar à Confissão, ou fazer Confissões mal feitas, são um caminho certo para o Inferno…

.

O principal motivo da perdição


Discípulo — Padre, poderia explicar-me a razão deste livro?

Mestre — Chamei-o assim por causa do fato seguinte:

Conta-se certa moça, tendo caído por desgraça num desses pecados que tanto envergonham na confissão, vivia triste e desconsolada.

Passaram-se assim muitos meses, sem que nenhuma das companheiras da coitada descobrisse a causa de tanta aflição.

Nesse ínterim, aconteceu que a sua melhor amiga, muito virtuosa e devota, morreu santamente.

Uma noite, a chamam pelo nome, quando está no melhor do sono; reconhece perfeitamente a voz da amiguinha morta que vai repetindo:

Confesse-se bem… se você soubesse o quanto Jesus e bom!

A moça tomou aquela voz por uma revelação do céu, criou coragem e, decidida, confessou o pecado que era a causa de tanta vergonha e de tantas lágrimas.

Naquela ocasião, tamanha foi a sua comoção, tão grande o seu alívio que depois disso, contava o fato a todo o mundo, e repetia por sua vez: “Experimentem e vejam o quanto Jesus é bom”.

D. — Muito bem! — acredito nisso plenamente, porque, já fiz mais de cem vezes a experiência de tal verdade.


M. — Pois então agradeça a Deus de todo o coração e continue a fazer boas confissões. Ai daquele que envereda, pelo caminho do sacrilégio!


É essa a maior desgraça que nos pode acontecer;

Porque dela não teremos mais a força de nos afastar, e assim prosseguiremos, talvez até à morte, precipitando-nos no abismo da perdição eterna.

D. — É assim tão nefanda uma confissão mal feita?

M. — É o principal motivo, a causa capital da perdição!

D. — Deveras?


M. — Assim é, infelizmente! São as confissões mal feitas o motivo pelo qual tantas pessoas perdem suas almas e vão para o inferno.

.

Fonte: Do livro “Confessai-vos bem” do Rev. Pe. Luiz Chiavarino.

.
.

*   *   *

.

.

missa

Clique na Imagem e escreva seu nome na Missa

.
.
.

GRÁTIS.
Coloque seu e-mail abaixo e receba orações, conselhos católicos e Mensagens de fé

Pesquisar no site

Veja o que acabamos de publicar

  • Por que, como e quando se deve fazer promessas? Descubra aqui. Leia Mais +
  • Proteja sua Família com São Bento! Saiba como aqui. Leia Mais +
Topo ↑

Inclua agora seu nome na Missa de Súplicas ao Coração de Jesus.
Ligue grátis de qualquer lugar do Brasil:

0800 774 7557

Política de Privacidade