Abrir popup Play Video

GRÁTIS

Coloque seu e-mail abaixo e receba orações,
conselhos católicos e Mensagens de Confiança

Voltar à página inicial

Minha Oferta ao Sagrado Coração de Jesus

Facebook Youtube SoundCloud Instagram

boletim

O que o Santo Evangelho nos ensina sobre a expulsão dos demônios? Descubra.

20 janeiro 2018
Nosso Senhor expulsa os demônios!

Nosso Senhor expulsa os demônios!

.
Ao vir a este mundo, Jesus Cristo se revestiu do divino poder de ensinar, operar milagres e expulsar demônios.

.
A
gora na Quaresma a Igreja propõe para reflexão dos fiéis o Evangelho em que o Filho de Deus expulsa o demônio de um homem cego e surdo-mudo, operando três milagres de uma só vez:

O de fazê-lo ver, ouvir e falar.

.
O Evangelho traz ensinamentos para todos os tempos. Que lição podemos tirar hoje desse prodígio?

.
O mundo contemporâneo se nega a ouvir, falar e ver, pois grassa nele uma surdez e mudez generalizada à palavra de Deus, cujos ensinamentos não são ouvidos nem pregados.

Enquanto o vício e o erro se desfecham na devassidão dos costumes, desviando as pessoas do ensinamento perene da Igreja, Ela mostra que Cristo é o caminho, a verdade e a vida.

Ao realizar o tríplice milagre, nosso Salvador concorreu para que através dos séculos muitos cressem nos seus divinos preceitos e os aceitassem.

Enquanto a multidão rendia glória a Deus por milagre tão sublime, escribas e fariseus se empenhavam em não reconhecê-lo, atribuindo o prodígio a Belzebu.

A contradição — um demônio contrapondo outro — foi aproveitada por Nosso Senhor em sua réplica:

“Todo reino dividido perecerá”.

Em que pese a crise instalada na Igreja, o seu reino e a sua fé inabalável e indivisível subsistirão sempre nesta Terra de exílio, onde haverá uma luta perpétua entre o bem e o mal;

.
Entre a verdade e o erro, entre luz e as trevas, luta que durará até a consumação dos séculos, pois que foi prescrita pelo próprio Deus.

.
Nosso Senhor revidou os inimigos ao afirmar que não era pelo poder do demônio que Ele expulsava demônios, mas pelo dedo de Deus.

Nosso Senhor livra o pobre homem da ação do demônio!

Nosso Senhor livra o pobre homem da ação do demônio!

Ele se referiu ao Espírito Santo, pois Jesus lia e perscrutava os pensamentos daqueles fariseus e respondia as objeções que estavam no segredo de seus corações.

Caso Nosso Senhor tivesse recorrido às Escrituras, eles não teriam prestado atenção.

De onde a comparação entre cidades e reinos, pois é grande a união dos súditos em torno de reinos e casas.

No mundo atual se propaga uma crise avassaladora, crise de fé com suas múltiplas consequências: crise da família, da sociedade, da propriedade, das instituições, dos valores, dos costumes, e até dos hábitos.

Como um grande incêndio, tal crise invade todos os segmentos do corpo social, chegando mesmo a ser generalizada e constante, rumo ao caos. E isso só pode ser obra do demônio e de seus satélites.

Ao expulsar o demônio daquele homem, Jesus quis nos ensinar acerca do poder conferido à Sua Igreja, o de anunciar o Evangelho. Ele não apenas expulsou aquele demônio, mas conquistou méritos infinitos para a Igreja com a Sua paixão e morte.

.
Segundo a narração do Evangelho, depois de expulso o demônio andou por lugares secos e áridos;

.
E não podendo voltar para aquele homem, pois sua alma estava ornada e limpa, tomou então sete espíritos piores para a ele retornar, tornando-o pior do que antes.

Assim acontecerá com esta geração perversa e má.

Hoje presenciamos a apostasia do mundo ocidental.

O que aconteceu com o povo judeu ao rejeitar o Salvador repete-se hoje com o abandono da Igreja verdadeira por parte não apenas dos fiéis, mas de muitos de seus pastores.

.
Assistimos a uma verdadeira paixão da Igreja, a qual já teria perecido se não fosse imortal.

.
Assim como Jesus foi condenado à morte, morrem hábitos, costumes e modos de ser que marcaram o mundo outrora cristão e civilizado.

Mas a Igreja não morrerá, pois temos a promessa de que as portas do inferno não prevalecerão.

.
.

*  *  *

.
.

Seu nome pode ser inscrito em mais de 60 Missas por ano e você pode receber inúmeras graças em sua vida.

Clique no link abaixo e confira.

.
.

botao_07

.

.

.

MISTÉRIO! 3 pessoas em um só Deus, veja a explicação de São Tomás:

19 janeiro 2018
Santo Tomás de Aquino.

Santo Tomás de Aquino.


.
O impressionante diálogo com São Tomás de Aquino sobre as três pessoas em Deus.

P –   Como sabemos que há três Pessoas em Deus?

R –   Porque Ele mesmo nô-lo revelou.

P –   Pode a razão humana, sem o auxílio da fé, perscrutar a existência das Pessoas Divinas?

R –   Não Senhor (XXXII,1,2).

P –   Como se chamam as verdades inacessíveis à inteligência e que só pela fé conhecemos?

R –   Chamam-se mistérios.

P –   É, por conseguinte, um mistério, a existência das Pessoas divinas?

R –   É mistério e o mais profundo de todos.

P –   Que nome tem?

R –   Mistério da Santíssima Trindade.

P –   Poderemos chegar a compreendê-lo?

R –   Sim, e com seu conhecimento seremos eternamente felizes.

P –   Poderemos nesta vida entrever alguma coisa dos admiráveis segredos do mistério da Santíssima Trindade, estudando a natureza das operações dos seres espirituais?

R –   Sim, Senhor; dois são os atos imanentes do ser espiritual: entender e amar, e em cada um se estabelecem relações de princípio a termo, e de termo a princípio de operação.

Daqui se deduz, conforme o que ensina a fé, que o Padre, no ato de entender, é princípio, porquanto diz e pronuncia um verbo, e o Verbo tem relação a termo, dito ou pronunciado.

O mesmo sucede no ato de amor. O Padre e o Filho formam um princípio de amor, com relação ao Espírito Santo, que é o termo.

.
.

Fonte: Extraído da Suma Teológica em forma de Catecismo .

.

*  *  *

.

Seu nome pode ser inscrito em mais de 60 Missas por ano e você pode receber inúmeras graças em sua vida.

Clique no link abaixo e confira.

.
.

botao_07

.

.

.

Veja esse habilidoso conto para entender o que é a confissão. É impressionante!

18 janeiro 2018
Sacramento da Confissão.

Sacramento da Confissão.


.
Era uma vez uma senhora muito piedosa que tinha visões de Nossa Senhora. Sempre que Maria aparecia para ela, a piedosa senhora ia contar com devoção ao padre da sua paróquia.

Mas o pároco não acreditava muito nela.

Cansado de ouvir as histórias da velhinha quase todos os dias, o padre resolveu dizer-lhe:

“Ok, já que Nossa Senhora conversa com você todos os dias, então peça para ela lhe contar quais foram os pecados de que eu me confessei em minha última confissão”.

No dia seguinte, antes de começar a missa, a velhinha já estava na igreja e acenava para o padre, indicando que queria falar com ele.

Quando a missa, terminou, ele não saiu para conversar com ela, senão que entrou rapidamente na sacristia, tentando fugir. Mas a velhinha foi atrás dele.

“Padre, o senhor se lembra do que me pediu ontem? A Virgem apareceu para mim e eu lhe perguntei.

Ela me olhou seriamente e me contou algo que me dá até vergonha de falar”, disse a senhora ao padre.

A essa altura, o sacerdote já estava pálido e, para evitar detalhes, disse que agora acreditava nela e que ia informar o bispo sobre as aparições.

A mulher insistiu: “Nossa Senhora disse que o senhor é um mau sacerdote”.

O padre, já transpirando, perguntou: “Mas por quê?”.

E a velhinha respondeu: “Sim, Ela me disse que o senhor é um mau sacerdote porque tinha de saber que, quando Jesus perdoa, ele se esquece de todos os pecados!”.

.
.
Fonte: pt.aleteia.org

.

*  *  *

.

Seu nome pode ser inscrito em mais de 60 Missas por ano e você pode receber inúmeras graças em sua vida.

Clique no link abaixo e confira.

.
.

botao_07

.

.

.

De onde vem a verdadeira Glória? Descubra

17 janeiro 2018
A Glória dos Céu.

A Glória dos Céu.


.
Ao longe, uma multidão assiste – com o habitual enlevo, é natural – a um desfile dos granadeiros da Rainha em seu uniforme de gala.

.
D
e há muito, a tática militar tornou inúteis fardamentos como este: calças pretas, dólmãs vermelhos com cinturão e ornatos brancos, luvas brancas, grande gorro de pele.

Mas ele se conserva para efeitos morais: manter a tradição do exército e fazer sentir ao povo o esplendor a vida militar.

A glória, com efeito, deve exprimir-se por símbolos.

.
Deles se serve Deus para manifestar aos homens a sua própria grandeza. E nisto, como no mais, devemos imitar a Deus.

.
Ora, o uniforme dos granadeiros, sua marcha impecavelmente cadenciada e alinhada, a ufania com que o porta-bandeira conduz o pendão nacional e o baliza indica o rumo da marcha;

O rufar dos tambores e o toque dos clarins, tudo em uma palavra, exprime a beleza moral inerente à vida militar:

.
Elevação de sentimentos, abnegação até o sangue, força de empreender, arriscar e vencer, disciplina, gravidade, heroísmo enfim.

.
Há glória, e verdadeira glória, a brilhar em todo este ambiente.

Mas, afinal, a glória é isto?

.
Consiste em vestir um uniforme anacrônico, executar manobras que já não têm nenhuma correspondência real com a batalha moderna, tocar tambores e clarins;

.
E pisar firme no chão para adquirir para si e dar aos outros a impressão de que se é herói?

Em avançar “corajosamente” num campo sem obstáculos nem riscos, como quem vai de encontro a um inimigo que não está presente, e ganhar por prêmio os aplausos inebriantes da multidão?

.
Isto é glória?
 Ou é teatro, representação, opereta?

.
Temos em nosso segundo clichê a outra face da glória militar.

Soldado da Guerra da Coréia

Imerso inteiramente na tragédia da luta armada, este jovem soldado da guerra da Coréia parece não ter idade definida.

Da mocidade tem ele a robustez. Mas o viço, o brilho, a louçania sumiram.

Sua pele, curtida por dias intérminos de sol, noites inteiras de vento e tempestade, parece ter tomado uma consistência não muito diversa do couro.

No traje, nem a mais leve preocupação de elegância:

Tudo está disposto para agasalhar contra a rudeza do clima e permitir movimentos desembaraçados e ágeis;

.
.
Seja na lama, no mato, na escarpa dos morros, sob a ação implacável dos bombardeios.

.
A luta, a resistência e o avanço são os objetivos a que tudo neste homem está ordenado.

.
Sua fisionomia de há muito não é iluminada por um sorriso, seu olhar parece imobilizado na vigilância contínua contra os homens e os elementos.

Nele não há a preocupação dos grandes lances, nem dos gestos teatrais.

.
Está voltado pra as mil trivialidades da vida cotidiana autêntica das guerras.

.

Não quer ele representar para si ou para os outros um grande papel.

Quer a vitória de uma grande causa. É o que explica sua seriedade, sua dignidade e sua força de resistência.

Ele todo está penetrado até as últimas fibras por um grande cansaço e uma grande dor. Mas um cansaço menor do que a inflexível resistência de alma e corpo que o supera e vence.

.
Uma dor conscientemente sentida, e aceita até seus últimos limites e conseqüências, por amor à causa por que ele está lutando.

.
Esta é a face dolorosa e talvez trágica da vida militar. Nisto é que está o mérito, daí é que nasce a glória.

Desfile dos granadeiros da rainha da Inglaterra.

Uniformes vistosos, armas luzentes, marchas cadenciadas, desfiles aparatosos, clarins, tambores, aplausos sem fim de uma assistência inebriada, tudo isto são exterioridades legítimas;

Necessárias até, na medida em que exprimem um desejo de lutar e de se sacrificar pelo bem comum.

Mas tudo isto não passaria de opereta, ser esta coragem não fosse autêntica e provada, como o é, aliás, pelos granadeiros da Rainha Elizabeth.

E qual é a lição que se tira disto?

Considerações de ordem natural, é certo. Nelas podemos, porém, colher matéria para nos elevarmos a um campo mais alto.

A vida da Igreja e a vida espiritual de cada fiel são uma luta incessante. Deus dá por vezes à sua Esposa dias de uma grandeza esplêndida, visível, palpável. Ele dá às almas momentos de consolação interior ou exterior admiráveis.

.
Mas a verdadeira glória da Igreja e do fiel resulta do sofrimento e da luta.

.
Luta árida, sem beleza sensível, nem poesia definível.

Luta em que se avança por vezes na noite do anonimato, na lama do desinteresse ou da incompreensão;

.
Sob as tempestades e o bombardeio desencadeado pelas forças conjugadas do demônio, do mundo e da carne.

.
Mas luta que enche de admiração os Anjos do Céu e atrai as bênçãos de Deus.

.
.
Fonte: pliniocorreadeoliveira.info. Plínio Correa de Oliveira, revista catolicismo nº 78. 

.
.
*  *  *

.

Seu nome pode ser inscrito em mais de 60 Missas por ano e você pode receber inúmeras graças em sua vida.

Clique no link abaixo e confira.

.
.

botao_07

.

.

.


Você está em um buraco sem fim?

16 janeiro 2018
Descubra uma maneira de sair do buraco sem fundo

.

Calma!


Se você está passando por problemas que querem lhe “puxar para baixo“, vamos lhe dizer que existe uma solução.


É recorrer ao Sagrado Coração de Jesus. Ele nunca lhe abandonaria em uma situação como esta
.


Vamos lhe contar sobre uma forma bastante eficaz para você recorrer sempre a Ele.

É se tornar membro do grupo Famílias do Sagrado Coração de Jesus.


Clique aqui para se tornar membro do grupo Famílias do Sagrado Coração de Jesus
.


Vamos lhe explicar melhor!

É que ao fazer parte deste Abençoado Grupo, você contará com seu nome inscrito em mais de 60 Missas por ano.

Veja o que diz São Jerônimo sobre a Missa:

 

“Nosso Senhor nos concede tudo o que lhe pedimos na Santa Missa: o que mais vale é que nos dá ainda o que nem sequer cogitamos pedir-Lhe e que, entretanto, nos é necessário”.


OU SEJA…

Sagrado Coração de Jesus poderá lhe conceder uma bênção que você nem imagina que precisa.

Mas que Ele sabe que lhe é necessária, pois Nosso Senhor conhece todas as nossas necessidades.

Além do mais, o seu nome estará inscrito em todas as Missas semanais.

Estas Missas certamente lhe farão um bem enorme.


Clique aqui para se tornar membro do grupo Famílias do Sagrado Coração de Jesus.


Saiba que além de ter o seu nome inscrito em todas estas Missas – sem precisar sair de sua casa – você ainda receberá orações diárias de Conventos e Mosteiros que apoiam esta Associação.


Temos certeza que você vai querer contar com todas estas bênçãos.


Então, clique aqui e não feche esta mensagem sem antes fazer parte deste Grupo restrito
.


Esperamos receber boas notícias suas em breve.


“Sagrado Coração de Jesus, livrai-nos de todos os problemas. Amém!”

.
.
*  *  *

.

Próxima Página »

GRÁTIS.
Coloque seu e-mail abaixo e receba orações, conselhos católicos e Mensagens de fé

Pesquisar no site

Veja o que acabamos de publicar

  • O que o Santo Evangelho nos ensina sobre a expulsão dos demônios? Descubra. Leia Mais +
  • MISTÉRIO! 3 pessoas em um só Deus, veja a explicação de São Tomás: Leia Mais +
  • Nosso Senhor vai enxugar suas lágrimas. Leia Mais +
  • Veja esse habilidoso conto para entender o que é a confissão. É impressionante! Leia Mais +
  • De onde vem a verdadeira Glória? Descubra Leia Mais +

Seu nome em mais de 60 Missas por ano

Clique aqui e saiba mais

Topo ↑

Inclua agora seu nome na Missa de Súplicas ao Coração de Jesus.
Ligue grátis de qualquer lugar do Brasil:

0800 774 7557

Política de Privacidade